La Bohème (Aznavour)

Charles Aznavour não é francês e sim Armênio. Mas muito cedo foi obrigado a se exilar e o fez na França. Foi lá que ele construiu uma carreira sólida e conquistou o mundo. Hoje vamos estudar a letra de um de seus grandes sucessos, La Bohème. Após estudar a letra, tente cantar com ele. Verá como cantando a gente aprende mais rápido! Ah, a música!

Je vous parle d’un temps
Que les moins de vingt ans
Ne peuvent pas connaître
Montmartre en ce temps-là
Accrochait ses lilas
Jusque sous nos fenêtres
Et si l’humble garni
Qui nous servait de nid
Ne payait pas de mine
C’est là qu’on s’est connu
Moi qui criait famine
Et toi qui posais nue.

Eu vos falo de um tempo
Que os menores de vinte anos
Não podem conhecer
Montmartre naquele tempo
Pendurava seus lilases
Até debaixo de nossas janelas
E se o quarto humilde
Que nos servia de ninho
Não tinha boa aparência
É lá que nos conhecemos
Eu que passava fome
E você que posava nua.

La bohème, la bohème
Ça voulait dire
On est heureux
La bohème, la bohème
Nous ne mangions qu’un jour sur deux

A bohemia, a bohemia
Significava
Somos felizes
A bohemia, a bohemia
Nós só comíamos um dia em dois.

Dans les cafés voisins
Nous étions quelques-uns
Qui attendions la gloire
Et bien que miséreux
Avec le ventre creux
Nous ne cessions d’y croire
Et quand quelque bistro
Contre un bon repas chaud
Nous prenait une toile
Nous récitions des vers
Groupés autour du poêle
En oubliant l’hiver

Nos cafés vizinhos
Éramos alguns
Que esperavam a glória
E apesar de miseráveis
Com a barriga vazia
Não parávamos de acreditar
E quando um boteco qualquer
Por uma boa refeição quente
Ficava com uma tela
Nós recitávamos versos
Agrupados ao redor da salamandra
Esquecendo o inverno

La bohème, la bohème
Ça voulait dire
Tu es jolie
La bohème, la bohème
Et nous avions tous du génie

A bohemia, a bohemia
Significava
Você é linda
A bohemia, a bohemia
E todos nós éramos genios.

Souvent il m’arrivait
Devant mon chevalet
De passer des nuits blanches
Retouchant le dessin
De la ligne d’un sein
Du galbe d’une hanche
Et ce n’est qu’au matin
Qu’on s’asseyait enfin
Devant un café-crème
Épuisés mais ravis
Fallait-il que l’on s’aime
Et qu’on aime la vie!

Frequentemente acontecia comigo
Diante de meu cavalete
De passar noites em branco
Retocando o desenho
Da linha de um seio
Da curva de um quadril
E só de manhã
Sentávamos enfim
Diante de um café com leite
Esgotados mas felizes
Como nos amávamos
E como amávamos a vida!

La bohème, la bohème
Ça voulait dire
On a vingt ans
La bohème, la bohème
Et nous vivions de l’air du temps.

A bohemia, a bohemia
Significava
Temos 20 anos
A bohemia, a bohemia,
E vivíamos o dia a dia.

Quand au hasard des jours
Je m’en vais faire un tour
À mon ancienne adresse
Je ne reconnais plus
Ni les murs, ni les rues
Qui ont vu ma jeunesse
En haut d’un escalier
Je cherche l’atelier
Dont plus rien ne subsiste
Dans son nouveau décor
Montmartre semble triste
Et les lilas sont morts

Quando ao acaso dos dias
Vou dar uma volta
No meu antigo endereço
Não reconheço mais
Nem as paredes, nem as ruas
Que viram minha juventude
Subindo uma escada
Procuro o atelier
Do qual não existe mais nada
Em sua nova decoração
Montmartre parece triste
E os lilases morreram.

La bohème, la bohème
On était jeunes
On était fous
La bohème, la bohème
Ça ne veut plus rien dire du tout.

A bohemia, a bohemia
Éramos jovens
Éramos loucos
A bohemia, a bohemia
Não significa mais nada.

Cadastre-se para receber o Resumão de Francês com novos conteúdos como este todas as semanas

Alternative Text
Catherine Henry é francesa de nascimento e de cultura. Ela é professora colaboradora do Método Francês Fluente. Além de dar assistência ao Professor Jérôme Guinet, Catherine escreve os conteúdos do site procurando trazer assuntos variados e interessantes que podem servir de complemento para quem está estudando francês.

FALE CONOSCO

Envie uma mensagem agora:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

CADASTRE-SE NO CURSO GRATUITO

Ao se cadastrar você receberá inteiramente grátis o nosso curso de francês por e-mail. Comece agora mesmo a estudar francês de verdade!
>